fbpx

Passo a passo para criar seu nicho de mercado

Conheça etapas detalhadas para a definição do nicho de mercado e saiba por que ele é tão importante para quem produz conteúdo na Internet!

Ao criar conteúdo, você precisa determinar um tema específico a ser trabalhado. Com isso, o seu público será segmentado e você terá mais chances de fazer publicações que combinem com a sua audiência, ou seja, que a agrade. Por isso, criar um nicho de mercado é tão importante. Afinal, para ser conhecido como referência no assunto, é preciso ser objetivo e claro.

Para trabalhar com Marketing, você precisa definir um nicho de mercado | Foto: LinkedIn Sales Navigator

Além do nicho, existem também outras segmentações importantes para o Marketing de Conteúdo. São elas: sub-nicho; micro-nicho e nano-nicho. Em alguns casos, não é fundamental ser tão detalhista, em outros já sim. Tudo depende da sua área e das suas metas com os materiais produzidos. 

Por meio da determinação de um nicho, será possível desenvolver uma linha editorial e estar mais focado ao criar conteúdo. Não só no Jornalismo ela é útil, como também em estratégias de Marketing Digital em diferentes plataformas, como sites, blogs e/ou redes sociais. 

Linha editorial: o que é?

O termo “linha editorial” foi popularizado no Jornalismo | Foto: Filip Mishevski

Os valores e a essência que definirão todas as ações de um veículo de comunicação ou marca fazem parte da definição de uma linha editorial. No Jornalismo, pode ser entendida como a “visão” do meio de comunicação e as premissas que sustentarão os conteúdos para o leitor ou telespectador. No Marketing de Conteúdo, a linha editorial consiste basicamente nos temas abordados, sejam eles escritos ou audiovisuais.

Definição de um nicho para atuar

Primeiro, defina o mercado e o segmento em que vai atuar. Depois, especifique ainda mais esse segmento. Veja um exemplo:

  • Mercado: sorvetes;
  • Segmento: sorvetes de frutas;
  • Nicho: sorvetes veganos de frutas brasileiras.

Segmente bem o seu nicho de mercado e aumente suas vendas com conteúdos otimizados | Foto: Nas Mato

Veja outra alternativa, agora mais detalhada:

  • Mercado: cursos;
  • Segmento: cursos baratos;
  • Nicho: cursos baratos para desempregados; 
  • Micro-nicho: cursos baratos para desempregados brasileiros;
  • Nano-nicho: cursos baratos para desempregados brasileiros no exterior.

Com seu nicho bem definido, você poderá estabelecer quais tópicos serão abordados em seus conteúdos. Outras etapas igualmente importantes são:

1. Encontrar assuntos dentro do nicho que você tenha mais familiaridade e conhecimento para falar;
2. Identificar um problema a ser solucionado – isso deve ser definido na criação da persona, ou seja, será o problema do seu cliente ideal;
3. Analisar se a ideia é economicamente possível de ser realizada;
4. Analisar a concorrência.

Sem todo o processo em mente, é muito difícil que você tenha resultados satisfatórios e obtenha lucro com o seu negócio. Afinal, uma das etapas mais importantes do Marketing Digital é a definição da persona, do público-alvo e da linha editorial: só assim as ferramentas serão otimizadas. Não se esqueça de mensurar dados e acompanhar a evolução da sua empresa ao valorizar feedbacks.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Bruno Ávila

Bruno Ávila

Bruno Ávila é publicitário e especialista em Marketing Digital. Um dos precursores do mercado de infoprodutos no Brasil. Hoje Ávila está a frente do Ser Notável, escola que ajuda pessoas a serem percebidas como autoridade através das redes sociais.

Outros artigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *