fbpx

Youtube hackeado: saiba como garantir a segurança da sua conta

Se você tem um canal no YouTube ou está pensando em ingressar nessa carreira, você deve saber como proteger sua conta para evitar ter seu canal YouTube hackeado.

Como acontece o ataque na conta do YouTube?

Grandes canais no YouTube têm sido alvo de hackers que conseguem entrar na conta destes usuários e as utilizam para realizar roubos. Saber como ocorrem esses golpes é o primeiro passo para proteger sua conta.

Geralmente, os golpes de YouTube hackeado acontecem através do e-mail, meio de contato com criador disponibilizado pela própria plataforma do YouTube. Os youtubers gamers são alvos atraentes para estes hackers, uma vez que é comum enviarem propostas de parcerias publicitárias e jogos para os criadores testarem com exclusividade antes do lançamento. É a partir dessa estratégia de envio de e-mails que eles aplicam o golpe.

Os hackers enviam e-mails atrativos, que se parecem muito reais, mas, na verdade, possuem links que são contaminados com vírus que facilitam o acesso à conta do youtuber. A partir do e-mail não é possível adquirir dados de acesso à conta, mas alterar os cookies do navegador de seus dispositivos.

Com o app YouTube hackeado, os golpistas conseguem apagar todos os vídeos do usuário, alterar nome, foto e banner do canal. Essa é a primeira etapa do plano YouTube hackeado.

A segunda fase do golpe envolve terceiros. Os hackers costumam transformar o canal YouTube hackeado em um canal sobre investimentos e que muitas vezes tratam de assuntos correlatos a criptomoedas. Para isso, eles usam a identidade – sem autorização – de personalidades famosas (grandes investidores).

Depois de transformar toda identidade do canal YouTube hackeado, os hackers começam a transmitir vídeos ao vivo de palestras antigas dos investidores e instituições de criptomoedas. Nas palestras são feitas promessas atrativas de retorno financeiro para valores investidos em um certo fundo. A carteira indicada claramente não é verdadeira. Trata-se de uma conta de domínio dos próprios hackers. Todo o dinheiro enviado pelos espectadores é retido pelos hackers, que, desta forma, concluem o golpe.

O canal YouTube hackeado, como na maioria das vezes, tem muitos inscritos, possui alta visibilidade, o que acaba atingindo muitas pessoas. Depois de se darem conta, os donos dos canais iniciam uma árdua tarefa de como recuperar canal do YouTube hackeado.

Depois de terem suas contas roubadas, youtubers iniciam a tarefa de recuperar canal de YouTube hackeado. | Foto: Unsplash.

Como se proteger de hacker?

Para evitar ser alvo de golpistas e não ter seu canal YouTube hackeado, é preciso seguir alguns passos de precaução. Também existem algumas dicas que podem tornar sua conta mais segura.

1- Cuidado com links para download enviados por e-mail

Em primeiro lugar, é preciso tomar muito cuidado com e-mails recebidos de remetentes não confiáveis. Mensagens automáticas com links para download podem conter vírus que vão facilitar o acesso dos hackers à sua conta por meio da alteração de cookies de seus dispositivos. Desconfie deste tipo de mensagem, por mais que a proposta pareça atraente.

Existem muitos casos em que os hackers criam contas falsas para contatar os criadores, utilizando até mesmo um domínio similar ao de empresas conhecidas. Sem que você desconfie que pode ser um golpe, solicitam que você instale programas no seu computador ou celular, e a partir deste software instalado conseguem acompanhar cada ação sua no dispositivo.

2- Crie senhas que vão dificultar o acesso dos hackers

Procure sempre colocar senhas fortes em suas contas. Utilize caracteres em caixa alta e baixa, números e símbolos (se possível). Isso diminui a probabilidade dos hackers descobrirem suas senhas e pode evitar que você tenha seu canal YouTube hackeado.

Além disso, evite usar a mesma senha para mais de uma plataforma. Crie senhas diferentes para cada conta que você possui. Pessoas que aplicam as mesmas senhas para diversos canais facilitam o trabalho dos hackers, uma vez que se eles descobrirem o acesso de uma conta, podem acessar todas as outras.

Por mais que pareça uma tarefa confusa gravar diferentes senhas, isso pode custar a segurança do seu canal. Caso tenha receio de esquecê-las, anote e guarde em algum lugar protegido. 

3- Ative a verificação em duas etapas

A ferramenta de verificação em duas etapas serve justamente para potencializar a segurança de suas contas e evitar que elas sejam invadidas mesmo que o hacker saiba sua senha.

Existem 3 tipos de verificação em segunda etapa, são eles: chaves de segurança do Google, o aplicativo Google Authenticator e as solicitações do Google.

Ao ativá-las, será exigido que você informe além da senha, uma segunda verificação (como um código, por exemplo) para acessar a conta.

4- Gerencie as permissões do seu canal

Não compartilhe sua senha com outros usuários, mesmo que eles façam parte da sua equipe. Assim, você evitar ter o YouTube hackeado.

O Google permite que você adicione editores e espectadores à sua equipe, de forma que eles podem ajudar a gerenciar o canal, com tarefas limitadas, mas sem que você precise dividir sua senha e tenha sua conta exposta em outro dispositivo.

Desta forma, você possui total controle do gerenciamento da sua conta e pode evitar ter um YouTube hackeado.

5- Tome cuidado com solicitações e conteúdos suspeitos

Existe uma técnica conhecida como phishing, a partir da qual os hackers conseguem descobrir seus dados pessoais como RG, CPF, número de cartões, entre outras informações, fingindo se passar por pessoas insuspeitas. Por isso, não compartilhe suas informações com ninguém desde que você esteja certo de quem está requisitando. Isso serve não só para não ter seu canal YouTube hackeado, como para sua própria segurança pessoal e financeira.

A Ser Notável é uma empresa que tem o foco em ajudar pequenos canais no YouTube a crescerem e se tornarem grandes negócios, tornando essa atividade rentável independente da quantidade de inscritos que você tem em seu canal. Se você tem interesse em atuar nesta rede social ou já está inserido nesse ramo e deseja fazer seu negócio progredir, a Ser Notável pode te ajudar – inclusive em relação a um YouTube hackeado!

Para saber mais dicas de como proteger sua conta para não ter seu canal YouTube hackeado e aprender mais estratégias e dicas que podem te ajudar a alcançar o sucesso nesta rede social, fique também de olho no nosso blog.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Bruno Ávila

Bruno Ávila

Bruno Ávila é publicitário e especialista em Marketing Digital. Um dos precursores do mercado de infoprodutos no Brasil. Hoje Ávila está a frente do Ser Notável, escola que ajuda pessoas a serem percebidas como autoridade através das redes sociais.

Outros artigos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *